Pesquisar este blog

ATORES DE ARAÇATUBA NO FIT – FESTIVAL INTERNACIONAL DE TEATRO


Melinsky, Tecca e Vendramine de São Paulo

Espetáculo "Arcane" - França


Espetáculo "Arcane" - França

Não Lugar - Performance da Espanha - Sienta La Cabeza - Espetáculo de esculturas Capilares


Não Lugar - Pista de Dança - Dj


Não lugar - Na pista de Dança - Simão, Denise e Melinky



Não Lugar - Na balada - Drica (Rio Preto) e Melinsky

Não Lugar - Instalação ÁRVOREARBRETREEARBO


Não Lugar - Na balada - Maxime Bourdon (França) Melinsky

Laerte, Melinsky, Simão, Ramon, Edi e Geison de Bernardino de Campos

Exposição "Fotografia de Palco" de Lenise Pinheiro - Sesc Rio Preto



Uma overdose cultural! Foi o que os atores araçatubenses (Alexandre Melinsky, Laerte Silva Júnior, Edi Barba, Denise Vaz, Ângela Gomes, Marina Vinagre, Ramon Olsen, Antônio Carlos Simão, Luana Carvalho, Rafael Maknamara, e Patrícia Bracale) tiveram nesse final de semana em São José do Rio Preto no Festival Internacional de Teatro.

Edi, Denise, Simão, Laerte, Perpétuo Peralta (Rio Preto), Melinsky, Ângela, Marina e Ramon

Muita subjetividade em tudo o que viram e presenciaram. Diversos espetáculos teatrais de diversos gêneros e linguagens, performances variadas e muita arte espalhada por todos os cantos; ruas, praças, teatros, universidades, planetário, mercado municipal... “Um misto de sensações, emoções e muita reflexão”.


Teatro de Rua "Miséria, o servidor de dois estancieiros" - RS.
Os nós na garganta em cada monólogo do espetáculo “O Silêncio dos Amantes”; a emoção de ver Cleyde Yáconis com 86 anos dando uma aula de interpretação; o Encantamento com o espetáculo francês “Arcane” e as acrobacias no arco gigante; o riso espontâneo provocado pelo grupo Oigalê do Rio Grande do Sul; a magia dos espetáculos infantis, em especial o espetáculo “Zero” de Curitiba; a provocação do espetáculo “Crônicas de José Agarrotado” da Espanha e o soco no estômago com as indagações do espetáculo do Chile “Neva”.

Toninho do Vale, Alexandre Melinsky, Abel Belon e Humberto Sinibaldi Neto

Performance Baby Dolls - MG


Edi Barba interagindo na performance Baby Dolls - MG



O Não Lugar, espaço criado para a confraternização dos artistas, técnicos e platéia, muita performance de arrepiar o cabelo, instalações, vídeos e muita música. A Banda “Os polidoros” formada por palhaços do Rio de Janeiro foi um show a parte, sem contar nos DJs e na performance da Espanha Sienta La cabeça... Um verdadeiro encontro com Baco, Dionísio e todos os deuses da arte. Houve também reencontros com grandes nomes do Teatro Brasileiro, Toninho do Vale, Carlos Gardim (PUC-Sp), Teca (SESC – SP), Vendramine, Humberto Sinibaldi neto, Ligia de Paula, Presidente do SATED, Sindicato dos Artistas de São Paulo e claro poder parabenizar Jorge Vermelho pela excelência e primor do Festival. Foi muito bom revê-los.
“Volto de lá renovado, provocado, aflito, inquieto, com a certeza que a arte transforma, liberta e salva o ser humano”.

Alexandre Melinsky, ator, diretor, gente de teatro, da vida, da arte.