Pesquisar este blog

Museu Marechal Cândido Rondon passará por adequações


Na manhã desta quinta-feira, 1º de junho, a secretária da Cultura Tieza, na companhia de técnicos da Secretaria, esteve no Museu Histórico e Pedagógico Marechal Cândido Rondon para acompanhar de perto algumas adequações feitas no local.

Após a visita, Tieza anunciou novos procedimentos que serão realizados no Museu. A partir da próxima segunda-feira (5), será o iniciado o processo, após análise técnica, de descarte das peças que não fazem parte do acervo, com o objetivo de organizar o local apenas com aquilo que pertence às suas coleções.

Uma das iniciativas consiste na reconstituição de um escritório, com a utilização de móveis que faziam parte da administração da Rede Ferroviária Federal S.A. - RFFSA. A remontagem servirá para abrigar a administração do museu.

Outra novidade é a avaliação das árvores existentes no entorno do Museu e também das plantas dos jardins de sua sede. Técnicos da Secretaria de Meio Ambiente e Turismo farão a avaliação e indicarão os melhores métodos de cuidado e conservação.


Feito o processo de descupinização, a secretária Tieza lembra que o Museu Mal. Rondon ainda não tem condições de ser reaberto à visitação. “Temos muito trabalho a fazer, ainda. A próxima etapa é a reconstrução do forro. E vamos fazendo tudo com muito cuidado, para assegurar plenas condições de funcionamento, quando o museu for reaberto”, frisou.