Pesquisar este blog

Região foi representada na Conferência Nacional de Cultura

Luana com outros conferencistas: propostas culturais da região vão para Brasília

No dia 27 de novembro ocorreu em Brasília a III Conferência Nacional de Cultura. O evento reuniu 1.126 representantes de todos os estados e Distrito Federal para a discussão de diretrizes culturais no âmbito nacional. O tema central da conferência foi Uma Política Nacional de Estado para a Cultura: Desafios do Sistema Nacional de Cultura.

A região de Araçatuba contou com a presença de uma conferencista representando os ideais culturais da região. A servidora da Secretaria Municipal de Cultura Luana Clinéia Isidoro Leite representou o cenário cultural e defendeu propostas de incentivo cultural tanto na escala regional como nacional.

PROPOSTAS
Entre os eixos definidos para implantação no Sistema Nacional de Cultura (SNC) estão a destinação de 10% dos recursos do pré-sal para a área e o fortalecimento do Fundo Nacional de Cultura como mecanismo de financiamento público para projetos do setor. Outra proposta firmada no SNC é efetivação do Sistema Nacional do Patrimônio Cultural, enfatizando a formulação e implantação de uma política compartilhada de preservação e valorização das múltiplas expressões do patrimônio cultural.

A ampliação da política de editais de forma diversificada e democrática também consta nas demais propostas apresentadas para o plano nacional de cultura. Araçatuba conta com a política de editais para as áreas de literatura, música, teatro e artes plásticas, e por meio dessa nova proposta aprovada pode ter mais recursos destinados a tais fins.


CONFERENCISTA
Para Luana, a possibilidade de contato com diversas personalidades e lideranças culturais dos mais diversos estados em um mesmo ambiente é estimulante para guinar novas ideias e trabalhar propostas de sucesso. “O fortalecimento nas políticas públicas para os povos e comunidades tradicionais e a defesa de avanços significativos na destinação de políticas públicas também foi uma das bandeiras que eu levantei durante toda a conferência”, diz Luana, que é de origem indígena e é ativista da causa.

Segundo o secretário de cultura Hélio Consolaro a participação da região na Conferencia Nacional de Cultura é um start para a realização de novos projetos e ações culturais. “Tivemos o prazer de contar com a representação da Luana na 3ª Conferência Nacional de Cultura. Isso mostra a relevância e destaque que temos tanto no meio estadual como também na esfera nacional”, destacou o secretário.