Pesquisar este blog

Teatro e dança até final do ano. Prefeitura e Secretaria da Cultura firmam parceria com o Sesi São Paulo

ARAÇATUBA RECEBE O “CIRCUITO CULTURAL SESI”. APRESENTAÇÕES COMEÇAM NESTE FINAL DE SEMANA.

“Quarteto Clássico”

Teatro e shows musicais fazem parte do “cardápio cultural”. Parceria entre a Prefeitura Municipal de Araçatuba e SESI São Paulo, garante diversão de qualidade até o final do ano.

A Prefeitura Municipal de Araçatuba pela Secretaria da Cultura firmou parceria com o SESI São Paulo e traz para Araçatuba o Circuito Cultural SESI com apresentações de espetáculos teatrais e shows musicais. Segundo Alexandre Melinsky, diretor da Secretaria da Cultura, desde o final do ano passado a Secretaria da Cultura, juntamente com o SESI Araçatuba, na pessoa da Senhora Salete Sbotichio, vem mantendo um diálogo constante com a central em São Paulo para que o projeto se concretizasse em nossa cidade, uma vez que o Circuito Cultural SESI acontece somente nas unidades do estado de São Paulo que possuam Teatro. Como em Araçatuba a unidade do SESI não possui um teatro, a Secretaria da Cultura disponibilizou o Teatro Paulo Alcides Jorge para as apresentações. Serão ao todo dez atrações no decorrer do ano, todas gratuitamente, sendo que a primeira atração já acontece nesse final de semana sábado, dia 19 de junho, às 20 horas com a apresentação do “Quarteto Clássico”. A entrada é franca.
Com um repertório eclético e com sonoridades mais leves e intimistas, o quarteto de câmara, composto por violino, violoncelo, viola e flauta, tocará clássicos dos austríacos Wolfgang Amadeus Mozart e Franz Joseph Haydn, do italiano Gioacchino Rossini e do alemão Joham Cristian Bach. 
“Quarteto Clássico”
Histórico do grupo
Criado em 1998, o Quarteto Clássico é composto pelas romenas Lucian Rogulski (violino) e Cristina Manescu (violoncelo) e pelos brasileiros Antonio Carlos de Melo (viola) e Carmem Garcia (flauta), todos músicos da Orquestra Sinfônica Municipal de São Paulo.
O violinista romeno Lucian Rogulski iniciou seus estudos musicais aos 10 anos de idade no Liceu de Música de Bucareste. Mais tarde estudou com o professor Adia Ghersowich, que foi aluno do eminente violinista mestre Oistrach. Em 1961, foi premiado no Concurso George Enescu e, posteriormente, ingressou na Orquestra Filarmônica George Enescu de Bucareste, como líder dos segundos violinos.
Realizou turnê pela Europa e, em 1983, mudou-se para o Brasil e ingressou na Orquestra Sinfônica Municipal de São Paulo. O músico sempre exerceu intensa atividade como camerista e é fundador e líder da Camerata Atheneum.
            A flautista Carmen Garcia iniciou seus estudos musicais em 1975, na Fundação das Artes de São Caetano do Sul. Bacharel em Composição e Regência pelo Instituto de Artes do Planalto (UNESP), a musicista participou de vários concursos. Mestre em música pela USP - com um trabalho sobre Patápio Silva -, ela também integrou a Orquestra Latino-Americana de Juventudes Musicales, em Montevidéo. Atualmente, é 1ª flauta da Orquestra Sinfônica Municipal de São Paulo.
            O violista Antonio Carlos de Mello iniciou seus estudos com Alberto Jaffé, por meio do Projeto Orquestra de Cordas, realizado no SESC-Consolação. Mais tarde estudou com Klaus Wüsthof e frequentou cursos de férias e festivais. Formou-se em Composição e Regência e é Bacharel em viola pela Universidade São Judas Tadeu, onde estudou com Teresinha Schnorremberg. 
Atualmente, ele é membro da Orquestra Sinfônica Municipal de São Paulo e 1º viola da Orquestra Sinfônica de Santo André. Desde seu ingresso na OSM, faz parte da Camerata Atheneum e exerce atividade camerística em outros grupos. É mestre em música pela UNICAMP, com um trabalho sobre o concerto para viola de Cláudio Santoro.
A violoncelista Cristina Manescu nasceu em Bucareste, capital da Romênia, e iniciou seus estudos musicais no Liceu de Música desta mesma cidade, prosseguindo no Conservatório Ciprian Porumbescu. Transferiu-se para a Alemanha, onde graduou-se como Bacharel em violoncello, especializando-se na Escola Superior de Música de Heidelberg-Mannheim, na classe de Daniel Grosgurin.
Em 1983, mudou-se para o Brasil, onde ingressou na Orquestra Sinfônica Municipal de São Paulo a convite do maestro Issac Karabtchevsky, iniciando também sua participação na Camerata Atheneum. Desde então tem integrado vários conjuntos de câmara, com destaque para o Grupo de Música Antiga Paraphernália, o Conjunto de violas da Gambá de São Paulo – SP e o Trio Rogulsk. 
Músicos
Carmen Sílvia Garcia  flauta
Lucian Rogulski  violino
Antonio Carlos de Mello Pereira  viola
Cristina Manescu  violoncelo
Programa
Franz Joseph Haydn (1732 – 1809)
Quarteto em Dó Maior, Op. 5, No. 6
Presto
Andante moderato
Minueto
Fantasia moderato e variações

Gioacchino Rossini  (1792 – 1868)
Quarteto em Lá Maior No. 2
Allegro
Andante
Rondo Allegro
Johann Christian Bach (1735 – 1782)
Quarteto em Ré Maior
Andante
Minueto, non tanto presto
Minore – Minueto
Wolfgang Amadeus Mozart (1756 – 1791)
Quarteto em Ré Maior K. 285 No.1
Allegro
Adagio
Rondo
No dia 25/06, já está programada a apresentação do espetáculo teatral “Ibejis”, com o Pessoal do Faroeste de São Paulo.
No mês de Agosto estão confirmados:
13/08 – Sexta-feira – Espetáculo teatral “Missão Super Hiper Importante” com a Cia Luis Louis de São Paulo;
20/08 – Sexta-feira – Espetáculo teatral “O Planeta Lilás” com a Cia Zezé Produções do Rio de janeiro.
O Circuito tem sequência nos meses de setembro, novembro e dezembro.
  
SERVIÇO: Circuito Cultural SESI em Araçatuba
Local: Teatro Municipal Paulo Alcides Jorge – Rua Armando Sales de Oliveira, s/nº (anexo a biblioteca municipal)
Data/horário: dia 19/06 (sábado), às 20 horas.
Capacidade: 200 lugares
Informações: (18) 3636-1270
Duração: 90 minutos
Classificação: livre
Entrada: Franca


------------------------------------------------------------------------
Réggis Antônio – Assessor de Imprensa
Secretaria Municipal da Cultura
Prefeitura Municipal de Araçatuba
------------------------------------------------------------------------