Pesquisar este blog

Concurso Nacional de Contos - Tem início a Semana da Literaura de Araçatuba - O escritor Ignácio de Loyola Brandão esteve em Araçatuba


A noite de ontem (8) foi de festa para a literatura. O palco do teatro municipal “Paulo Alcides Jorge” deu espaço a “Semana da Literatura” e entrega dos prêmios aos vencedores do 22º Concurso Nacional de Contos Cidade de Araçatuba. O concurso recebeu ao todo 720 inscrições de todo o Brasil, destes 41 foram de Araçatuba.



A Orquestra Municipal de Sopros recepcionou o público com belíssimas músicas, além de receberem gratuitamente o livro "Araçalinda e outras lindezas" contendo todos os contos vencedores do concurso.


O secretário Hélio Consolaro em seu discurso

Após a execução do Hino Nacional e o Hino de Araçatuba a mesa foi composta pelas autoridades. O prefeito Cido Sério, Hélio Consolaro, Secretário da Cultura, Cidinha Lacerda Secretária da Ação Social, Beatriz Nogueira, Secretária da Educação, Glenn Wood, presidente da Academia Araçatubense de Letras e o escritor convidado Ignácio de Loyola Brandão fizeram a entrega dos certificados aos ganhadores presentes. O destaque ficou para a ganhadora do segundo lugar nível nacional a senhora Marlene Santos de Lima, de Ilha do Governador (RJ) que fez questão de vir pessoalmente receber o certificado.


Hélio Consolaro com a ganhadora do segundo lugar nível nacional, Marlene Santos de Lima da cidade do Rio de Janeiro

Na seqüência a entrega dos certificados aos ganhadores nível Araçatuba para:
1° Lugar - Araçatuba
Conto – Necessidade
Caroline da Silva Rodrigues
Araçatuba - SP
2° Lugar - Araçatuba
Conto – Sangue, carne, ventre, olhos e ouvidos sob a grande árvore
Tarso José Ferreira
Araçatuba – SP
3° Lugar - Araçatuba
Conto – Borboletas Carpideiras
Emília Goulart dos Santos
Araçatuba – SP

As menções honrosas, nível Araçatuba também foram entregues à:

Conto – A primeira vez
Ricardo Barbosa de Novaes
Conto – Saci na praça
Edson Maciel
Conto – Um rio, uma floresta, um porvir
Alcides Mazzini
Conto – Fraser
Sérgio Eduardo Moura Debortoli

Após a entrega o público presente pode apreciar a “Dessacralizando a literatura e abrindo caminhos” do escritor Ignácio de Loyola Brandão.