Teatro de rua ocupa praça Rui Barbosa no Retreta Dominical


No início da noite de domingo (17), a praça Rui Barbosa foi
palco para encenação da peça "Foi uma vez um final que se fez", do grupo
araçatubense Lugar de Ser Qualquer, em mais uma agenda do evento Retreta
Dominical. Realizada pela Prefeitura de Araçatuba sob coordenação da
Secretaria Municipal de Cultura (SMC), a iniciativa é sucesso desde o
começo, no mês de junho.


A peça conta a vida de Melindra, uma aprendiz de bruxaria que decide fugir
de seu destino questionando: “Ser ou não ser bruxa, eis a questão”. No meio
do caminho se depara com uma dupla de artistas circenses, que irão
apresentar a ela outra forma de ser. Porém, seu fiel e maldoso “espírito de
porco” torce o rabo, e faz de tudo para que se torne uma bruxa.


Retreta Dominical é uma ação semanal que promove cultura na praça Rui
Barbosa, a partir de 18 horas. Diversas apresentações já foram feitas, como
de orquestra de sopros, fanfarras e peça de teatro de rua, como esta. O
objetivo é valorizar ainda mais o tradicional espaço público, após
importante e revitalizadora reforma.

Biblioteca Municipal recebe doações de escritor paulistano‏

O escritor Américo Pellegrini
A Biblioteca Municipal Rubens do Amaral recebeu a visita do escritor paulistano Américo Pellegrini Filho. Ele esteve em Araçatuba para ministrar palestra na abertura da Semana do Folclore, na terça-feira (12), e aproveitou para fazer doações de títulos seus ao acervo da biblioteca.
Américo Pellegrini Filho possui graduação em jornalismo pela Faculdade de Comunicação Social Cásper Líbero, mestrado e doutorado em Ciências da Comunicação pela USP (Universidade de São Paulo). A atuação acadêmica dele está voltada, principalmente, aos seguintes temas: patrimônio cultural e natural com interesse para turismo, folclore/cultura popular, comunicação popular escrita.

Dentre as doações constam as publicações “Comunicação Popular Escrita”, “Folclore Escrito e Urbano” e “Encontros Culturais: Portugal-Japão-Brasil”. Segundo a dirigente da Biblioteca Municipal, Tânia Capelari, os títulos são inéditos no acervo da casa e contribuirão para o enriquecimento das pesquisas discentes e docentes. “O conteúdo, e principalmente os assuntos folclóricos enriquecem as estantes da nossa biblioteca”, enfatizou.

Contagious Araça Rock 2014


Inscrições para Buteco Legal 2014 continuam abertas


A quarta edição do evento Buteco Legal está com inscrições abertas até o dia 29 de setembro. Equipe da Secretaria Municipal de Turismo (SMT) orienta que proprietários de estabelecimentos não deixem para fazer as inscrições na última hora, retirando a ficha de inscrição e o regulamento na sede da pasta.

O festival de comida realizado pela Prefeitura de Araçatuba tem como objetivo principal a valorização da gastronomia popular, possibilitando aos proprietários de botecos a oportunidade de oferecer ao público degustações de pratos e petiscos. E, em muitas vezes, criados por eles.

O projeto teve a primeira edição em 2010, e se tornou de grande relevância na região. É também oportunidade de atrair não somente os consumidores habituais, mas de receber novos clientes, incrementando o estabelecimento e ampliando a receita.


Entre os dias 3 de outubro e 22 de novembro ocorrerá o período de visitação aos botecos. A premiação, conhecida como "saideira", será no dia 6 de dezembro, na praça São Joaquim. A ficha de inscrição e o regulamento podem ser retirados na sede da Secretaria, localizada na rua 1º de Maio, 141.

Biblioteca realiza Mundo Mágico da Leitura com integrantes da ASAS‏


A Biblioteca Municipal Rubens do Amaral recebeu nesta terça-feira (12) integrantes da Associação de Apoio à Saúde Mental de Araçatuba (ASAS), em mais uma ação do projeto Mundo Mágico da Leitura. Eles participaram de atividades dinâmicas orientadas pela contadora de histórias Flávia Wolffowitz. A realização é da Prefeitura de Araçatuba por meio da Secretaria Municipal de Cultura (SMC).

“É um projeto expansivo, que atinge diversos públicos e, a cada dia, mais participantes”, enfatizou a dirigente da biblioteca Tânia Capelari, que promove a ação há alguns anos. Dentre as conquistas e avanços está adesão de mais três contadores de histórias.


Segundo a presidente da ASAS, Mirella Martins Justi, a parceria entre o projeto da biblioteca e as oficinas terapêuticas da entidade vem ao encontro do trabalho realizado. Um dos objetivos é integrar os pacientes atendidos nos espaços públicos, para recondução social e evitando reinternação, em muitos casos.


A Associação de Apoio à Saúde Mental de Araçatuba surgiu em 2010 a partir de Movimento Antimanicomial previsto na Lei 10.216/2001, que prevê o fim dos manicômios e adoção de outros modelos de tratamento, como o CAPs (Centro de Apoio Psicossocial). Araçatuba possui o serviço desde 2009: CAPs-ad (álcool e droga) Benedita Fernandes, implantado por meio de ação direta da Prefeitura de Araçatuba. A gestão é do Hospital Benedita Fernandes.

Crianças comemoram 65 anos da Guarda Municipal

Demonstração de sinalização de trânsito
  Na manhã de terça-feira (12), alunos do 3º. ano da EMEB Professora Carmélia Mello Fonseca, no bairro Aclimação, participaram da abertura oficial de exposição comemorativa aos 65 anos da Guarda Civil Municipal (GCM). A solenidade aconteceu na área externa do Museu Histórico Municipal Marechal Cândido Rondon, e reuniu ainda integrantes da corporação, secretários municipais e demais convidados.

Adultos e crianças acompanham a cerimônia
Durante a abertura oficial, as 35 crianças ficaram “em forma”, ao lado de guardas municipais, para conhecer detalhes dessa história. Após leitura feita por GCM Cristina, e rápida apresentação do mágico Washington, que é integrante da unidade, todos os convidados participaram de coquetel.

O secretário de Cultura Hélio Consolaro representou o prefeito Cido Sério, ao lado do secretário de Segurança Kerlis Ribeiro. Dentre outros representantes presentes, Edson Olímpio, da Secretaria de Mobilidade Urbana; os assessores Carlos Nova (Gabinete), Tadami Kawata (Secretaria de Governo) e Wilson Carlos Braz (Secretaria de Segurança); e o procurador jurídico Paulo Cesar da Silva.

Itens presentes na exposição
A exposição reúne fardas, demais equipamentos de segurança utilizados pelos guardas municipais e inúmeras fotos, que resgatam momentos da história. A réplica de uma mini cidade foi instalada no museu, onde os convidados mirins receberam rápidas orientações sobre trânsito. Outras abordagens foram contra o uso de drogas e de materiais cortantes em linhas de pipa, com imagens expressivas.

Hélio Consolaro discursa para os presentes
O evento é promovido pela Prefeitura de Araçatuba, numa iniciativa da Secretaria Municipal de Segurança (SMS) e Secretaria Municipal de Cultura (SMC), por meio do Museu Histórico. A visitação gratuita poderá ser feita durante 60 dias, até o início de outubro.

Kerlis Ribeiro fala da importância da GCM
SERVIÇO
Segunda-feira: 14h às 17h
Terça à sexta-feira: 8h às 17h
Sábado: 8h às 12h
Rua 15 de Novembro, 247

(18) 3625.3392 | Email: marechalrondon1964@gmail.com

Folclorata 2014 comemora e promove a cultura regional‏


Para conhecer e assimilar a história da construção da cultura de outros povos é imprescindível que a criança conheça o desenvolvimento e evolução da própria cultura. É com base nesse entendimento e para marcar a passagem do Dia do Folclore, em 22 de agosto, que a Secretaria Municipal de Educação (SME) realiza a Semana do Folclore 2014: Nossas Raízes, Nossa História (3º. Folclorata), com apresentações musicais e danças folclóricas.

Em parceria com a Fundação Alphaville e o Centro de Tradições Culturais de Araçatuba, a Prefeitura e a Secretaria de Educação objetivam resgatar e preservar as tradições culturais da região. A abertura será nesta terça-feira (12), no Teatro Thathi COC, às 18h30. As apresentações ocorrerão nos dias 13, 14 e 15.

O evento mobilizará alunos e professores do Ensino Fundamental da rede municipal para um retorno às raízes. Escolas de outros municípios da região também foram convidadas para participar do evento e compartilhar o patrimônio regional. Catira, mulher rendeira, bumba meu boi, carimbó, folia de reis, danças gaúchas e capoeira são algumas das manifestações que serão apresentadas pelos estudantes.

A presidente do Centro de Tradições Culturais de Araçatuba, Cláudia Colli, destaca a importância desse tipo de evento para a formação das crianças. "Nós, tanto o Centro de Tradições quanto a Prefeitura de Araçatuba, temos a missão de espalhar a cultura folclórica, principalmente às crianças, pois conhecendo a própria cultura o indivíduo compreenderá a importância de mantê-la viva, para, assim, proteger nossas características e identidades".


A semana do folclore está crescendo e se tornando cada vez mais abrangente. Em 2013, a festa cultural reuniu cerca de 400 pessoas por apresentação, no Teatro Castro Alves. Neste 3º. Folclorata, a expectativa é de 750 pessoas por espetáculo.

MAAP recebe exposição de arte contemporânea

 
Até o próximo dia 16 de agosto, a exposição “Mundo Contemporâneo”, da artista plástica biriguiense Araceli Avelhaneda, pode ser visitada no Museu Araçatubense de Artes Plásticas (MAAP). A mostra reúne 23 telas que mesclam reproduções de pontos turísticos, como a Torre Eiffel, de Paris, de ambientes com animais e alguns retratos.

Araceli Avelhaneda destaca que não se inspira em único segmento artístico, o que lhe proporciona maior flexibilidade nas produções. “A tela da bandeira do Brasil é um mix de figuras – da fauna e flora – que eu capturei em vários lugares. É minha segunda bandeira; a primeira reúne somente aves típicas do Brasil”.


Técnica em informática há mais de 15 anos, ela utiliza as artes plásticas como refúgio do desgaste do dia a dia. Há sete anos, ela ingressou num curso de pintura a fim de aprimorar sua técnica e desenvolver novos trabalhos. De lá para cá foram mais de 60 obras produzidas.


Em sua primeira exposição, que começou no dia 1º de agosto, e superada a ansiedade inicial, ela afirma que “a satisfação de expor seus trabalhos gerou conforto e sensação de dever cumprido”. E já prepara uma nova exposição para o mês de setembro, na cidade de Birigui, com trabalhos exclusivamente inspirados em flores.

Dos 23 trabalhos expostos, 14 deles estão à venda. Os interessados poderão consultar os valores com os responsáveis pelo MAAP.

SERVIÇO
Museu Araçatubense de Artes Plásticas (MAAP)

Rua Duque de Caxias, 29